Portugal

Brasília

Brasil

José Carlos Santiago

Curador e Facilitador

www.jcsantiago.info
www.jcsantiago.net
www.jcsantiago.com

Abordagens para a sua Saúde e Bem Estar

Caos na Sociedade

A família é, sempre foi e sempre será a base da nossa sociedade e a base do nosso bem estar.

Qualquer sociedade é apenas um conjunto de famílias.

Esta é uma verdade tão evidente que aparentemente ninguém se preocupa com ela nem lhe dá o devido valor.

Mas como tudo na vida; as coisas simples e óbvias costumam ser as mais importantes.

Sendo a sociedade um conjunto de famílias, a sociedade acaba sendo apenas o reflexo (espelho) de como as famílias se encontram.

Mas se leu a frase anterior deve ter percebido que .... quando uma sociedade tem problemas, não é a sociedade que precisa de ser corrigida e melhorada mas sim o que está por detrás dela: a família.

Na nossa sociedade (a nível mundial) sempre houve a preocupação de fazer a correcção dos problemas.

Desta forma criam-se leis para gerir o país, leis para a economia, leis para isto e leis para aquilo.

E o que temos observado?

Quanto mais leis e regras existem mais problemas acabam surgindo.

Quanto mais se tenta combater algo mais isso aumenta.

Quanto mais se combate a criminalidade mais a criminalidade aumenta.

Quanto mais se tenta controlar a economia mais a economia descontrola.

Quanto mais se tenta combater a pobreza, mais pobreza existe.

Enfim; quanto mais se luta mais os obstáculos aumentam.

Não é pela luta que se resolvem os problemas mas sim pelo seu entendimento.

Querer corrigir os males da sociedade não resulta porque o problema não é a sociedade. A sociedade é o resultado de todas as familias.

O que é uma sociedade?

Um conjunto de famílias.

O que se tem de corrigir?

A família.

Quando as famílias estiverem bem, então o resultado é que a sociedade vai ficar bem e sem ser preciso fazer um grande trabalho.

Quando a família não se encontra bem, a sociedade não fica bem.

Desta forma nós poderíamos resolver os problemas da sociedade ou de qualquer sociedade quando resolvermos os problemas que existem nas famílias.

Se a família estiver bem, a sociedade fica bem.

Assim resta-nos arranjar formas da família estar bem e os problemas da sociedade, como a criminalidade, problemas económicos, pobreza, fome, caos e muitos outros problemas acabam por desaparecer ou diminuir significativamente.

Infelizmente os governos costumam ver a família como uma força de trabalho para alimentar toda uma sociedade o que não deveria acontecer.

Uma família deveria trabalhar para a sua família e dar o seu contributo à sociedade e nunca trabalhar para a sociedade e governos colocando a sua família "de parte".

Hoje é demasiado frequente ver que os elementos da família trabalham de manhã à noite e muitas vezes "despejam" os filhos no infantário ou nas escolas e quando os levam para casa colocam-nos no computador ou na playstation pois não têm tempo para eles nem para brincar com eles.

Já não existe mais conversa em família pois cada elemento do casal trás para casa os seus problemas do trabalho e acabam falando de tudo menos daquilo que é importante: a família e o bem estar de cada um.

O stress que se trás para casa acaba criando mais problemas e mais stress na família e consequentemente mais problemas para a família.

Só quando a família está bem é que a calma pode surgir e os relacionamentos podem acontecer e tudo pode começar a funcionar sem tensões nem stress.

Para saber como se encontra a família, basta olhar a sua consequência: a sociedade.

Se a sociedade não está bem então isso apenas significa uma coisa: a família não está bem.

Se a sociedade não se encontra bem, então temos de cuidar urgentemente da família pois esta é a base de qualquer sociedade.

Quando surgem acontecimentos perturbadores na família o seu efeito pode estender-se por várias gerações.

Darwin explicou isto quando falou da evolução das espécies - os "melhoramentos" e os problemas transmitem-se de geração em geração - um dia alguém vai voltar a falar de tudo isto, de novo...

E hoje temos imensos problemas na família que não são olhados nem resolvidos da melhor maneira.

Exemplos disso qualquer pessoa pode ver: divórcios; aborto; infertilidade; falta de cuidados de saúde; falta de ensino correcto; ignorância a todos os níveis; maus relacionamentos; depressões; fibromialgias; doenças e muitos, muitos outros problemas.

Temos de corrigir as causas dos problemas e não ficar apenas corrigindo os problemas.

Corrigir os problemas nada resolve pois são as suas causas que os estão a criar.

Tomemos o exemplo de problemas de saúde.

P: Dores de costas. Porque muitas vezes elas não desaparecem apesar dos bons tratamentos que se fazem?

R: Porque não se corrigem as suas causas.

P: Porque as depressões não desaparecem apesar dos bons tratamentos que se fazem?

R: Porque se está apenas a tratar o problema mas não as suas causas.

P: Porque as fibromialgias não desaparecem?

R: Porque se está a tratar a consequência e não a causa.

P: Porque as escolioses não desaparecem apesar dos bons tratamentos?

R: Porque não se está a tratar as suas causas.

E assim por aí fora.

Enquanto se continuar a tratar os problemas em vez de se tratar as suas causas, os problemas não vão nunca desaparecer.

Seja na saúde, seja na sociedade, tudo o que há a fazer é tratar as causas e não os problemas.

Nos problemas da sociedade, há que ir às causas dos problemas e corrigir as causas (família) e não ficar apenas corrigindo as consequências (sociedade).

Acho que isto não é difícil de entender.

Falta apenas que cada um de nós comece a fazer um trabalho para corrigir as causas (família) e não apenas as consequências (sociedade e seu caos).

Urge criar famílias coesas, responsáveis e estáveis para que os nossos filhos tenham a estabilidade suficiente para criarem um melhor amanhã.

Criar famílias estáveis que possam gerir, entender e resolver os seus problemas é o objectivo das Constelações Familiares.

Pode ver mais acerca das Constelações Familiares neste link.